Pages

25 de nov de 2009

Casamento e divórcio

''O casamento, quando não é natural, quando é forçado pelo pai e a mãe, não dá certo. É o caso do Osmar Dias (PDT) com o PT. E também o caso dos tucanos com o PMDB'', arriscou o presidente do PSDB no Paraná, Valdir Rossoni que estará amanhã em Maringá junto com Prefeito de Curitiba Beto Richa. Rossoni reconhece a reaproximação entre peemedebistas e tucanos, mas, particularmente, ele não se sentiria ''confortável'' com a possibilidade de união das duas siglas. Principal crítico do governo Requião (PMDB) na Assembleia, Rossoni foi quem conseguiu, lá em 2006, chamar a cúpula tucana do País para ''barrar'' a turma de Hermas Brandão (PSDB - foto), hoje Presidente do Tribunal de Contas do Paraná, colocado como candidato a vice-governador numa chapa de cabeça peemedebista. - ''Não vou fazer movimento contra, mas tenho um entendimento claro: não me sinto confortável'', disse o tucano.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!