Pages

20 de ago de 2011

Prefeito cassado

Após cerca de 45 horas de sessão ininterrupta, a Câmara Municipal de Campinas, a 95 km de São Paulo, cassou o mandato do prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT) na madrugada deste sábado (20). Apenas o vereador Sérgio Benassi (PCDB) foi contrário à decisão. Outros 32 vereadores votaram pela cassação do chefe do Executivo, envolvido em denúncias de corrupção. O prefeito cassado não utilizou o período de 2 horas destinado à sua defesa. Hélio Santos pode recorrer da decisão.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!