Pages

4 de dez de 2009

Lixão pode ir para o Borba Gato

A empresa Constroeste ofereceu menor preço e deverá cuidar do lixo de Maringá. Mas antes disso, a comissão de avaliação da prefeitura deverá analisar os documentos apresentados. O grupo vencedor é do estado de São Paulo e irá cobrar R$ 65,90 por tonelada. Em relação ao preço médio que seria cobrado pela Pajoan e pela Maringá Lixo Zero, desabilitadas na licitação, a Controeste deve levar R$ 11,15 a mais pelo mesmo serviço. Pregão de desempate ocorreu na tarde desta sexta-feira (4). O local apresentado para receber 300 toneladas diárias de lixo fica na região da Estrada do Borba Gato, nas proximidades do atual aterro controlado. Segundo assessoria da administração, a empresa possui licença do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) para utilizar o espaço. A comissão terá agora três dias úteis para homologar ou não o contrato com a Constroeste.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!