Pages

10 de dez de 2009

Redução na segurança

A segurança Pública no Paraná chegou ao estado lamentável em que se encontra graças a constantes reduções no orçamento destinado para as polícias civil e militar, bombeiros e outras instituições relacionadas. Em 2010, a coisa deve ficar pior. Requião, que já não estará no cargo, resolveu deixar uma bomba de efeito retardado para o sucessor, seu vice, Orlando Pessuti. Mandou reduzir em R$ 170 milhões o previsto para pessoal na Segurança Pública.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!