Pages

1 de dez de 2009

Só dúvidas

Quem resumiu o cenário político pré-2010 ontem e de uma maneira coerente foi o presidente do PP no Paraná, deputado federal Ricardo Barros: ''Eu não tenho como certa nenhuma candidatura do Paraná''. Para o pepista, as decisões nacionais devem interverir nas construções estaduais. ''Tudo indica que Serra e Dilma terão uma disputa acirrada. Todas as candidaturas do Paraná podem ser suprimidas por decisões nacionais, que devem interferir nos diretórios regionais''. E quem se beneficia com a confusão no Estado, segundo Barros, é o próprio PP. ''O PP não depende de projetos nacionais. Minha candidatura ao Senado só se favorece com a confusão'', opina ele.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!