Pages

15 de fev de 2011

Aprovada redução

O projeto que reduz a quantidade de assessores parlamentares por gabinete na Câmara Municipal de Maringá (CMM) foi aprovado pelos vereadores, em segunda discussão, na sessão realizada na tarde desta terça-feira (15). Ao todo, 10 vereadores votaram a favor e quatro, contra. O presidente, Mário Hossokawa (PSDB) não votou (confira box ao lado). Com a aprovação, cada vereador terá direito a ter um chefe de gabinete e quatro assessores parlamentares. Para pagar o salário dos servidores, eles terão à disposição o mesmo valor até então: R$ 12.140,55. Atualmente, o número de funcionários varia de gabinete para gabinete, chegando a dez ao todo. Já os salários vão de R$ 500 a R$ 5 mil dependendo do cargo.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!