Pages

14 de fev de 2011

Muito obrigado!


H0je é dia de homenagear Ronaldo fenômeno, de ressaltar as virtudes dele e quaisquer críticas que todos os seres humanos merecem algumas devem ficar para outra hora. A estética dos gols do jovem habilidoso, veloz e frio na frente dos goleiros vestindo as camisas de Cruzeiro, PSV, Barcelona, Real Madri, Milan, Internazionale e do todo poderoso Timão, foi uma das duas marcas mais incríveis da carreira do atleta. A capacidade de se superar, de ressurgir e vencer quando quase ninguém acreditava, a outra. As Copas do Mundo mostram esses fatos. Em 94 foi para ganhar experiência e participou do grupo que ganhou o título. Em 98, como protagonista, teve a convulsão antes da final contra a França e o Brasil fracassou. Em 2000, pela Inter, sofreu a gravíssima e horrorosa lesão no joelho, que levou boa parte dos especialistas a afirmar que não conseguiria voltar a jogar. Em 2002 foi campeão do mundo e goleador do torneio! Ronaldo virou ícone. Virou fenômeno de marketing. Tem gigantesca legião de fãs, incluindo torcedores de times que nunca defendeu.
O último momento de craque viveu em 2009 no Corinthians, logo após a equipe voltar da segunda divisão, às vésperas do centenário. Mesmo fora de forma, brilhou, venceu e se superou. Não há palavras para dar a verdadeira dimensão da importância de jogador. Quero, para encerrar, mandar o recado diretamente ao sujeito que hoje anuncia o fim das atividades como jogador.
- O esporte nos 18 últimos anos, sem você, não teria sido a mesma coisa.
- Fizeste a diferença, Ronaldo!
- Foi muito legal!
- Valeu!!!!!!!!!

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Sua opinião é muito importante para mim!